17 de Abril, 2017

Audiência pública sobre o processo de beatificação do Padre Cícero

Nesta segunda-feira (17), aconteceu na câmara municipal da cidade de Juazeiro do Norte, uma audiência pública sobre o processo de beatificação do Pe. Cícero Romão Batista. Promovida pela comissão parlamentar da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, a reunião contou com as presenças da Deputada Estadual Fernanda Pessoa (PR) e do Deputado Estadual Manoel Santana Neto (PT).
Sob a mediação do presidente da casa do povo, vereador Gledson Bezerra (PMN). A reunião teve início com a formação da mesa dirigente, que contou com as presenças do vereador Adauto Araújo, professor José Carlos, Dr. Geraldo Menezes Barbosa, professora e historiadora Maria do Carmo Pagan, Deputado Manoel Santana e da Deputada Fernanda Pessoa.
 
Ao final da reunião perguntamos ao professor José Carlos e a professora Maria do Carmo, qual a importância de uma audiência pública como essa para o processo de Beatificação do Padre Cícero? E quais as propostas colocadas por eles junto à comissão?
 
Maria do Carmo Pagan: Essa reunião é muito importante para movimentar as forças políticas. Não política partidária, mas a política de se pensar o bem comum, para aqueles que são multiplicadores de ideias na nossa região. A minha primeira proposta foi que devemos reunir uma comissão de médicos para estudar os possíveis milagres que possam ser atribuídos na intercessão do Padre Cícero. A segunda proposta que sugeri foi à seleção de casos que efetivamente possa se chamar de milagre. A outra foi de fazermos com que a vida do Padre Cícero seja conhecida no Brasil inteiro.
 
José Carlos dos Santos: A minha proposta para essa comissão é apoiar os estudos e as publicações que são feitas sobre o Padre Cícero, através de publicações de livros, e reunir os pesquisadores para que o Padre Cícero se torne mais conhecido. E que as pesquisas que estão sendo feitas, sejam mais difundidas. A segunda proposta é que há uma preocupação muito grande com o acolhimento humano digno para os romeiros. E dentro dessa luta, esses órgãos poderiam ajudar muito na regulamentação da questão dos meios de transportes. Não só do “pau-de-arara”, como ônibus, topiques, os carros que transportam os romeiros. Porque está havendo um processo muito grande de perseguição contra os romeiros nestes últimos anos. Então é importante que a gente faça a defesa dos romeiros do Padre Cícero. É importante que se crie políticas públicas de acolhimento humano e digno aos romeiros do Padre Cícero.
 
O que essa audiência pública pode contribuir para a beatificação do Padre Cícero?
José Carlos: Eu vejo que isso passa pela questão interna da Igreja. Não adianta pressão, não adianta mobilização, movimentos, porque eu acredito que o processo é assim que se dá. Ele é aberto porque tem a prerrogativa que é o Dom Gilberto Pastana, hoje como bispo da Diocese de Crato, de abrir esse processo. Ele está chegando com muita boa vontade. Ele está conhecendo essa realidade, se subsidiando de vários documentos e estudos sobre o Padre Cícero e acredito que ele conhecendo, vai tomar o caminho melhor para esse processo.
 
Por Rozelia Costa
Colaboração do Rosivaldo Pedro
 

Sobre a beatificação do Padre Cícero


comments powered by Disqus