Celebração Eucarística abre os festejos em honra a Nossa Senhora das Candeias

30/01/2018 Por: Aline Salustiano
496 visualizações

Ao cair da tarde desta segunda-feira, dia 29 de janeiro, uma multidão de fiéis lotava o patamar da Paróquia de Nossa Senhora das Dores – Basílica Santuário, para com muita fé e devoção, participarem da missa de abertura da Festa e Romaria de Nossa Senhora das Candeias.

Vindos de as regiões do país, os romeiros acolheram com muita alegria a imagem da Senhora das Candeias, que em procissão seguiu da residência do casal Zefinho e Rosangela, na Rua São Cristóvão, até a Basílica Santuário onde aconteceu o tradicional novenário.

Este ano o festejo refletirá o tema: É Jubileu! É Romaria! Vamos juntos para a Casa de Maria e o lema “Sal da Terra e Luz do Mundo” (Mt 5, 13-14), em consonância com o Ano Nacional do Laicato convocado pela Conferência Nacional do Bispo do Brasil (CNBB).

A celebração foi presidida pelo pároco Padre Cícero José da Silva e concelebrada pelo vigário paroquial, padre Antônio Romão e pelo diácono permanente, Francisco Martins, além de padres, diáconos e seminaristas romeiros.

Ao meditar o evangelho que narra a história do encontro de Jesus com um homem possuído por espíritos maus, e o convite que o Senhor faz, após a sua libertação, para se tornar missionário e anunciar entre os gentios, padre Cícero José fez a relação com o sentido da Romaria: “Quando refletimos  que colocar-se em romaria é estar à disposição na presença de Deus, com o compromisso de ser sal da terra e luz do mundo, fermento na massa, saímos para transformarmos as realidades que estão distantes de Deus nas nossas comunidades”, disse.

Ele ainda recordou a história que narra que a Romaria de Candeias teve início por iniciativa do Padre Cícero Romão, motivado por uma questão social de sua época, o desemprego, suscita o artesão a produzir candeeiros que seriam utilizados na festa que se iniciaria.

No final da celebração, em uma só voz, foi rezado a consagração a Maria, ensinada pelo Padre Cícero Romão, e em seguida foi entoado o hino em louvor a Nossa Senhora das Candeias.

 

Durante os cinco dias de festividade estão programadas, na Basílica Santuário Nossa Senhora das Dores e na Capela do Socorro, Celebrações Eucarísticas, louvor, confissões, orações, shows, encontros com os romeiros e a tradicional procissão das velas.



Galeria de Fotos: